Um espaço de inspiração. De e para pessoas.
Conselhos para sair da zona de conforto

Conselhos para sair da zona de conforto

  • Outubro 29, 2019

“Insanidade é procurar resultados diferentes fazendo sempre a mesma coisa”.

Albert Einstein

 

Será realmente perigoso arriscar? Hoje em dia, a experiência partilhada de muitas pessoas diz-nos que a ideia de arriscar é muito mais assustadora do que o ato em si. O medo de falhar deixa-nos muitas vezes apreensivos e retraídos, impedindo-nos de tomar decisões que conduzam a verdadeiras mudanças, impedindo-nos de progredir – de viver.

Sair da nossa zona de conforto implicar fazer frente ao desconhecido, o que pode ser extremamente difícil numa fase inicial. Mas isso tudo é obra da nossa imaginação. Na realidade, o que é perigoso é não sair da zona de conforto. E aquilo que consideramos seguro – na verdade, não o é… a segurança não passa de uma ilusão.

Há um mundo lá fora pronto a ser explorado, um mundo que vai muito além das fronteiras impostas pela nossa rotina, das barreiras mentais que impomos a nós mesmos – dia após dia.

Por isso, vamos dar-lhe algumas dicas para começar a enfrentar, passo a passo, tudo aquilo que o impede de abraçar novos desafios. Para que viva mais. Para que viva melhor.

  • Localize no mapa a sua zona de conforto

Aquilo a chamamos de zona de conforto varia de pessoa de pessoa. O primeiro passo a dar é identificar tudo aquilo que nos faz sentir confortáveis, tudo aquilo que nos é familiar. Não devemos abdicar por completo desses hábitos e princípios, porque estruturam a nossa personalidade e dão-nos equilíbrio. Por isso, temos de separar o trigo do joio e tentar descobrir tudo aquilo que nos dificulta a progressão, tudo aquilo que nos torna passivos e conformistas… para que tome as rédeas da sua vida.

  • Falhar é como gatinhar

Nem a insegurança nem o excesso de confiança o/a levará a bom porto. Tente encontrar o equilíbrio. Não cobre demasiado de si nem dos outros e aceite que ninguém é perfeito. Partilhe as suas experiências menos positivas e obtenha feedback de pessoas que pensam de forma diferente da sua. Encare os insucessos de uma forma pedagógica e tente sempre aprender com os erros.

  • A organização é a chave

A mudança não deve ser imposta de uma forma agressiva. Todos os seus passos deverão ser graduais e cuidadosamente planeados. Ao manter-se organizado/a, irá pensar de forma mais clara e tomar as melhores decisões. Mas esteja sempre aberto/a alternativas. Nunca se sabe o que o futuro nos reserva…

  • Faça exercício… com a sua mente

Para manter a mente desperta e estimular a imaginação, exercite regularmente o cérebro, dedicando algum do seu tempo a atividades culturais, à leitura, etc. Dedique também algum tempo a si próprio/a e aos seus pensamentos. Nunca abdique de ouvir a voz do/a seu/sua melhor conselheiro/a – nunca abdique de ouvir a sua própria voz.

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Sobre nós

People First Banner

People first é um espaço de inspiração onde partilhamos conteúdos com um eixo comum: as pessoas. De diferentes perspetivas e setores, abordamos diferentes temas, tendências e notícias de interesse humano.

Newsletter

Inspira-te com a newsletter People first.

Quero subscrever a newsletter

Segue-nos

×